Envios Grátis para encomendas superiores a 30€

Categorias

  • frontline-triact.jpg
  • advantix.jpg
  • seresto.jpg

Informação

Cantinho do Ruca

Artigos de interesse

Gato

Hipertiroidismo Felino - diagnóstico e tratamento

Diagnóstico A avaliação dos sintomas descritos e um exame físico completo, são os primeiros passos para a avaliação do estado de saúde do seu gato. Muitas vezes, durante o exame físico é possível palpar uma glândula tiroide aumentada típica de hipertiroidismo.
Ler mais

Hipertiroidismo Felino: Causas e Sinais

O que é o Hipertiroidismo Felino? O Hipertiroidismo é a doença endócrina mais frequente nos gatos e, como o nome indica, afeta a glândula Tiroide. A Tiroide é composta por duas pequenas glândulas localizadas (uma de cada lado) na zona mais craneal da traqueia.
Ler mais

Leucemia felina - cuidados com o gato FeLV-positivo e como prevenir a doença

Infelizmente, ainda não existem tratamentos capazes de curar a Leucemia Felina (FeLV). Por isso, ter um gato com Leucemia Felina pode ser um desafio. Contudo, tomando os devidos cuidados em casa...
Ler mais

A Leucemia Felina (FeLV) - O que é e como se transmite

A Leucemia Felina (FeLV) é, de entre todas as doenças infeciosas que podem afectar os gatos, a mais comum em todo o mundo. Leucemia é um termo conhecido de quase todos como sendo uma doença oncológica do ser humano.
Ler mais

DURANTE A MUDANÇA DE ESTAÇÃO… PRESTE ATENÇÃO! ALERGIAS E DOENÇAS PRIMAVERIS

A primavera já está aqui! Com ela chega o sol, os campos ficam verdes e aparece… algum visitante não desejado. Agora que começa o bom tempo proteja o seu gato de doenças, alergias e parasitas habituais.
Ler mais

Como ajudar o seu gato a viver com Doença Renal Crónica

Como se diagnostica a doença renal crónica felina? A doença renal crónica felina é uma condição progressiva, que se desenvolve ao longo de vários meses e é possível que os tutores não reconheçam de imediato alguns dos sinais clínicos associados. Tal como noutras condições, os sinais clínicos manifestados por gatos com doença renal crónica não são específicos de doença renal, e por isso o diagnóstico terá que ser alcançado com base na história clínica, nos sintomas relatados pelos tutores, no exame físico detalhado e de alguns exames de diagnóstico, entre os quais análises ao sangue e à urina.
Ler mais

Sabe o que é a Doença Renal Crónica Felina

A Doença Renal Crónica Felina é uma doença progressiva e debilitante, sem uma cura definitiva, mas que atualmente pode ser controlada permitindo que o gato mantenha melhor qualidade de vida por mais tempo.Para compreender melhor o que é esta patologia, há que entender antes de mais o que é e qual a função do órgão “rim”.
Ler mais

DÊ AS BOAS-VINDAS AO SEU NOVO AMIGO

Decidiu adotar um gato? O novo membro da família pode vir de muitos sítios diferentes: de um criador profissional, de uma ninhada de um amigo, de uma associação protetora na qual  tenha  encontrado a sua alma gémea felina…
Ler mais

EXAMES VETERINÁRIOS E O GATO SÉNIOR

O velho ditado que diz que um ano de gato equivale a sete anos humanos não é exatamente verdade. Alguns especialistas afirmam que um gato de um ano se assemelha a um jovem de 16 anos. Quando o seu gato entra no seu segundo ano, é como um jovem adulto de 21 anos. Após essa idade, pode assumir que por cada ano que o seu gato vive, envelhece quatro “anos humanos”.
Ler mais

O QUE É A DISFUNÇÃO COGNITIVA?

A disfunção cognitiva significa a alteração de determinadas capacidades sensoriais, tais como a perceção, a aprendizagem e a memória, sendo que os gatos, com o passar a idade, podem igualmente sofrer destes tipos de alterações.
Ler mais
Cinco sinais de que o seu gato pode ter uma doença renal

Cinco sinais de que o seu gato pode ter uma doença renal

Veja o video, e se o seu gato faz isto. Fale com o seu médico veterinário para verificar o estado da saúde do seu gato.
Ler mais

INCRÍVEL EM QUALQUER IDADE, QUAL O SEGREDO?

O nosso gato será sempre o nosso pequeno, no entanto, embora dê a impressão de que o tempo não passa por ele, é inevitável que viva as mudanças próprias do envelhecimento. A partir dos 7 anos, o equivalente aproximado a 50 no ser humano, começam a surgir as primeiras mudanças associadas à idade. A partir dos 10-12 anos estas tornam-se mais evidentes.
Ler mais